Janeiro Branco: mês da saúde mental

08 de janeiro de 2021

O mês de janeiro marca a chegada de um novo ano, o recomeço e a renovação. Nesse momento, é comum que comecemos a repensar nossas vidas, fazer um balanço de nossas atitudes e, de alguma forma, parece que janeiro é o momento de começar a colocar em prática todos os planos e de fazer melhor. Janeiro parece uma página em branco, pronta para receber uma nova história.

Janeiro Branco

E não é à toa que foi este o mês escolhido como símbolo da saúde mental. Janeiro Branco é uma campanha cujo objetivo é sensibilizar a população quanto à importância do cuidado e atenção com os transtornos mentais, sendo os mais comuns a depressão e a ansiedade, e também estimular o cuidado com o bem-estar.

Depressão e ansiedade
A depressão e a ansiedade são dois dos problemas mais comuns da saúde mental, podendo afetar pessoas de diferentes faixas etárias, etnias, classes sociais, orientação sexual e outros. As consequências da falta de cuidado com uma depressão podem ser graves como automutilação e até mesmo o suicídio.

A depressão é um transtorno mental proveniente de uma vulnerabilidade genética combinada à fatores ambientais como estresse crônico, , vícios (como cigarro, álcool e outras drogas), violência ou abuso, desemprego, separação conjuga e também fatores biológicos, como disfunções hormonais e de personalidade do indivíduo Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), a depressão atinge cerca de 5,8% da população brasileira, enquanto os distúrbios relacionados à ansiedade afetam 9,3%.

Sobre a ansiedade, o termo, em si tem algumas definições diferentes nos dicionários não técnicos, por exemplo, aflição, angústia e perturbação causada pela incerteza ou contextos de perigo. O fato é que a ansiedade, quando demasiada, pode se tornar patológica e extremamente prejudicial ao nosso funcionamento psíquico (mental) e somático (corporal).

Cuidando da saúde e do bem-estar
Separamos algumas dicas para começar o ano mais saudável e com uma rotina responsável consigo e com os outros:

1. Cuide da alimentação: comer bem tem a ver com um bem-estar geral (corpo e mente). Opte por um cardápio variado e equilibrado.

2. Pratique atividades físicas regularmente: a movimentação do corpo contribui para o bem-estar emocional.

3. Durma bem: noites mal dormidas contribuem para o agravamento dos transtornos mentais/emocionais. Priorize uma boa rotina de sono.

4. Conviva: tenha momentos dedicados a passar o tempo com pessoas queridas, mesmo que seja virtualmente agora neste momento de pandemia e isolamento social.

5. Faça atividades de lazer: atividades que te deixam feliz são sempre bem-vindas. Passeios, cinema, livros, festas e outros!

6. Aproveite a natureza: estar ao ar livre faz bem para o corpo e para a mente – e ainda é um ótimo ambiente para escapar da rotina de trabalho.

7. Tenha hobbies: atividades diferentes inseridas na rotina são muito saudáveis. Procure algo que te desperte a vontade de praticar, por exemplo, pintura, yoga, ballet e outros.

8. Acredite em algo: independente de crença ou religião, relacione-se com o mundo e com as pessoas crendo que há um significado ou até mesmo um valor em cada existência.

9. Se conheça: existem vários caminhos para o autoconhecimento. Escolha um ou mais!

10. Ajude o próximo: fazer o bem faz bem.

 

Referências:
SESA – Secretaria de Estado da Saúde do Espírito Santo. Campanha Janeiro Branco quer falar sobre prevenção à depressão e ansiedade [internet]. 2020 [acesso em 05 jan 2021]. Disponível em: https://saude.es.gov.br/Not%C3%ADcia/campanha-janeiro-branco-quer-falar-sobre-prevencao-a-depressao-e-ansiedade

CVV – Centro de Valorização da Vida. Janeiro Branco: quem cuida da mente, cuida da vida [internet]. [acesso em 05 jan 2021]. Disponível em: https://www.cvv.org.br/blog/janeiro-branco-quem-cuida-da-mente-cuida-da-vida/

Compartilhe