Saúde mental: como promover um ambiente de trabalho saudável

10 de fevereiro de 2021

Um ambiente de trabalho saudável é fundamental para a manutenção da saúde mental. E obter um local de trabalho saudável vai muito além de ter um espaço físico adequado à realização das tarefas cotidianas – vale também para a qualidade das relações entre os profissionais e como são encarados os acontecimentos que se desdobram no dia a dia.

Saúde mental no dia a dia: como promover um ambiente de trabalho saudável

A qualidade do ambiente de trabalho e sua influência na saúde mental do trabalhador compõem um assunto tão sério que a Organização Mundial da Saúde disponibilizou o manual Ambientes de trabalho saudáveis: Um modelo para ação – Para empregadores, formuladores de políticas e profissionais. O estudo chama a atenção para a importância da saúde mental dos funcionários para a saúde das empresas: foi constatado que as empresas que se empenham em proteger e promover a saúde dos seus profissionais se encontram em posições mais bem-sucedidas do que as que não o fazem.

Veja algumas dicas para obter e para promover mais saúde no seu ambiente de trabalho:

Objetivos
Desempenhar uma função que faça sentido para você e que esteja alinhada com o seu propósito pode facilitar o envolvimento e promover uma sensação de bem-estar relacionada ao trabalho.

Um bom passo para se entender melhor diante de uma situação de conflito ou de estresse ocupacional é observar e avaliar se seus objetivos individuais estão alinhados com os valores da empresa.

Inclusão
Durante boa parte do dia, estamos em contato constante com colegas de trabalho, ainda que virtualmente. Dessa forma, nosso estado de saúde emocional influencia diretamente na qualidade desses relacionamentos. Se estamos sob grande estresse, podemos acabar criando situações desagradáveis com nossos colegas, o que vai gerar ainda mais pressão.

Já reparou como um ambiente inclusivo é mais leve? Isso porque os sentimentos de pertencimento, consideração e reconhecimento fazem com que estejamos mais confiantes e, portanto, tolerantes uns com os outros, favorecendo a criação de laços mais significativos e também de confiança – o que colabora para o sentimento de segurança, fator importante para os momentos de estresse.

Diálogo
O diálogo é sempre fundamental, tanto entre os superiores e subordinados, quanto com todos os que atuam juntos. Entender as principais necessidades dos seus colegas, independente de hierarquias, é mais um passo em direção a um ambiente de trabalho saudável.

Atividades
Um local de trabalho saudável é um ambiente estruturado para que os colaboradores se sintam bem, tanto nos momentos de produtividade quanto nos intervalos e períodos de descanso. Atividades em grupo são ótimas para criar uma dinâmica entre as equipes: ginástica laboral, palestras, cursos e outros. Em tempos de pandemia e home-office, é possível criar atividades virtuais para promover esses encontros.

 

Referências

MARTINEZ, Maria Carmen  e  PARAGUAY, Ana Isabel Bruzzi Bezerra. Satisfação e saúde no trabalho: aspectos conceituais e metodológicos. Cad. psicol. soc. trab. [internet]. 2003, vol.6 [acesso em 8 fev 2021], pp. 59-78 . Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-37172003000200005&lng=pt&nrm=iso

POPADIUK, S. and SILVA, V. B. S. Trabalho X trabalhador: como harmonizar essa relação? [internet]. SciELO em Perspectiva: Humanas, 2018 [acesso em 8 fev 2021]. Disponível em: https://humanas.blog.scielo.org/blog/2018/07/31/trabalho-x-trabalhador-como-harmonizar-essa-relacao/

COUTINHO, Maria Chalfin; KRAWULSKI, Edite  and  SOARES, Dulce Helena Penna. Identidade e trabalho na contemporaneidade: repensando articulações possíveis. Psicol. Soc. [internet]. 2007, vol.19, n.spe [acesso em  8 fev 2021], pp.29-37. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-71822007000400006&lng=en&nrm=iso

SCATOLIN, Henrique Guilherme e COSTA, Tamiris Vitorino da. Trabalho e loucura: O adoecimento do sujeito nas organizações. Espacios [internet]. Vol. 38 (Nº 06), 2017 [acesso em 8 fev 2021]; pág. 22. Disponível em: https://www.revistaespacios.com/a17v38n06/a17v38n06p22.pdf

SCATOLIN, Henrique Guilherme e HINTZE, Simone Silvério. Relações interpessoais no ambiente organizacional: um olhar sobre a saúde do trabalhador. Espacios [internet]. Vol. 39 (Nº 42), 2018 [acesso em 8 fev 2021] ; pág. 25. Disponível em: http://www.revistaespacios.com/a18v39n42/a18v39n42p25.pdf

Organização Mundial da Saúde. Ambientes de trabalho saudáveis: um modelo para ação: para empregadores, trabalhadores, formuladores de política e profissionais [internet]. /OMS; tradução do Serviço Social da Indústria. – Brasília: SESI/DN, 2010 [acesso em 8 fev 2021]. Disponível em: https://www.who.int/occupational_health/ambientes_de_trabalho.pdf

 

 

 

Compartilhe