Saúde nasal no verão: cuidados necessários

15 de dezembro de 2020

A chegada do verão e das temperaturas altas fazem com que haja uma tendência maior ao uso de ar-condicionado, o que pode ser prejudicial para quem tem problemas nasais. O cuidado nasal durante essa época do ano é extremamente importante pois, segundo especialistas, quem tem o hábito de limpar o nariz todos os dias reduz de 30% a 50% a frequência de uso de medicações, casos de gripes e resfriados. Independentemente da estação do ano, cuidados respiratórios como a limpeza e a hidratação nasal devem ser feitos diariamente, contribuindo na prevenção de doenças  como gripe, resfriado, rinite e sinusite.

saúde nasal

A Dra. Maura Neves, otorrinolaringologista e doutora em Ciências da Saúde pelo Departamento de Otorrinolaringologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, explica que a limpeza nasal remove as impurezas inaladas e diversos agentes agressores, como vírus e bactérias, além de auxiliar na diluição e remoção das secreções. “A hidratação nasal também é extremamente importante, pois complementa a limpeza. A camada de gel umidifica a mucosa nasal por mais tempo, promovendo conforto para o nariz e intensificando este cuidado”, completa.

A especialista ainda alerta que o nariz aquece e umidifica o ar inalado, além de filtrar as partículas e microrganismos, permitindo que chegue com as características necessárias aos pulmões. “A respiração feita pelo nariz e de forma correta traz benefícios não só para que os órgãos do corpo trabalhem perfeitamente, mas também pode ajudar a controlar crises de ansiedade e estresse, renova e aumenta a energia do corpo, melhora a concentração e garante uma noite de sono tranquilo, além de prevenir todos os malefícios que podem ocorrer por meio da respiração oral”, comenta.

Com o aumento da temperatura, as partículas nocivas em suspensão no ar se deslocam de forma lenta e em casos de inversão térmica ficam aprisionadas pelo ar quente causando problemas respiratórios. A Dra. Maura alerta que é necessária a adoção de outros cuidados para ajudar na prevenção das crises alérgicas: “Lavar as mãos com frequência, beber água, evitar flores e plantas em casa, não ter objetos que acumulem poeira, como tapetes, cortinas, almofadas na residência, são alguns cuidados que pessoas alérgicas podem tomar para prevenir as crises alérgicas respiratórias”.

Em suma, os cuidados respiratórios devem continuar, independente da estação do ano. A limpeza e a hidratação devem fazer parte da rotina, para evitar crises alérgicas e outros desconfortos relacionados ao sistema respiratório. Caso haja persistência de alergias ou dos sintomas de patologias como rinite e sinusite, consulte um especialista.

Referências bibliográficas
https://bit.ly/2KoFLgi
https://bit.ly/3oOJLFS
https://bit.ly/3qTs3Tr
DeMarco RC, Anselmo-Lima WT. Fisiologia do nariz e seios paranasais. In: Campos CAH, Costa HOO. Tratado de otorrinolaringologia. São Paulo: Roca; 2002.

 

Compartilhe